FAZER > Flor Natural > Percurso Raiano entre Cal e Mel

PERCURSO RAIANO ENTRE CAL E MEL

O “Percurso Raiano Entre Cal e Mel” (PR3 CMR), que apresenta uma classificação de “Muito Difícil”, sobretudo devido aos seus 15.7 km de distância a percorrer e à duração aproximada de 5.45h.


Dos baluartes de Ouguela procuramos divisar para ocidente o local onde termina este percurso. Partimos descendo por estradão que, entre olivais tradicionais, rápido nos coloca na margem da Ribeira de Abrilongo, que atravessamos passando de poldra em poldra. Durante um quilómetro seguimos contra a corrente tendo a ribeira e a sua mata ripícola como companhias.


Depois afastamo-nos até à linha de fronteira. O solo adquire tons avermelhados, indiciando alguma alteração na geologia local.


Logo iremos encontrar as ruínas de antigos fornos que permitiam transformar pedras calcárias em cal. De seguida, alinhamos com o traçado da fronteira, sempre vigiados pelas oliveiras que se alinham do lado de cá. Uma vez mais atravessamos a Ribeira de Abrilongo e entramos na Herdade dos Adães. Para além do excelente montado, quando atingimos o Centro de Interpretação da Natureza, Mel e Biodiversidade, percebemos que a gestão empresarial da herdade está orientada para vincados propósitos ambientais: do MPB (Modo de Produção Biológico) à conservação da biodiversidade e à sensibilização ambiental.


Despedimo-nos deste centro e rumamos para Degolados, no final do percurso. Estamos a 8km de Campo Maior.

Faça o download do ficheiro PDF com toda a informação sobre este percurso:

Faça o download dos ficheiros GPX ou KMZ deste percurso:

Flor, Montanha e Água